A coordenadora nacional do PSD Mulher, Alda Marco Antonio, fala para cerca de 90 lideranças de 30 cidades paulistas

A defesa da adoção de cotas para mulheres em cargos de liderança no mercado de trabalho e a ampliação da participação feminina no cenário político. Esses foram os principais temas discutidos pelo encontro que o PSD Mulher do Estado de São Paulo realizou no Hotel Palm Tower, em Campinas, no sábado (7).

Organizado pela coordenadora nacional e estadual do núcleo feminino do partido, Alda Marco Antonio, pela vice-coordenadora nacional e estadual, Adriana Flosi, e pela suplente de senadora e secretária-geral, nos âmbitos nacional e estadual, Ivani Boscolo, o evento reuniu cerca de 90 lideranças de 30 cidades paulistas. “O que estamos fazendo é preparar bem as nossas pré-candidatas para que tomem conhecimento da legislação, da situação do nosso partido, de tudo o que seja necessário para que elas tenham bandeiras políticas claras e candidaturas competitivas em 2020”, definiu Alda Marco Antonio.

Durante a programação, a filósofa e mestre em Ciências da Comunicação, Jacira Vieira de Melo, apresentou a palestra Políticas Públicas para as Cidades na Visão das Mulheres, em que defendeu a igualdade no número de representantes homens e mulheres nos legislativos. O advogado Thiago Boverio esclareceu dúvidas sobre a legislação eleitoral e Adriana Flosi ministrou a palestra Cotas para Mulheres?, com estatísticas referentes à desigualdade entre gêneros no mundo empresarial.

“O que estamos fazendo é preparar bem as nossas pré-candidatas para que tomem conhecimento de tudo o que seja necessário”, definiu Alda Marco Antonio.

Dados da Corporate Women Directors International (CWDI), centro de estudos ligado ao instituto americano GlobeWomen, registram que as mulheres ocupam apenas 34% dos cargos de gerência em todo o mundo. A meritocracia e a ampliação do número de representantes femininas no poder público seriam os caminhos para a mudança desse quadro segundo Adriana, que é presidente da Associação Comercial e Industrial de Campinas e vice-presidente do Diretório Municipal do PSD.

“As mulheres saíram do encontro muito entusiasmadas, foi um sucesso. O PSD tem feito um trabalho que nós não vemos em outros partidos do Brasil. É um movimento muito relevante que o nosso presidente, Gilberto Kassab, teve a visão e a atitude para fazer. Temos um grande diferencial que é a Alda Marco Antonio, um símbolo que inspira todas as mulheres”, definiu Adriana.