Adeliana Dal Pont, Alda Marco Antonio e Ivani Boscolo

 

Redação Scriptum

A coordenadora nacional do PSD Mulher, Alda Marco Antonio, participou nesta terça-feira (9) da live promovida pelo núcleo feminino do partido em Santa Catarina. A reunião online teve a mediação da presidente do núcleo estadual, Adeliana Dal Pont, e contou com a secretária do PSD Mulher Nacional, Ivani Boscolo.

Alda falou sobre o atual momento da sigla, que se fortaleceu com as recentes filiações de diversas lideranças, entre elas a deputada federal Luísa Canziani, do Paraná, e o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, potencial candidato ao Palácio do Planalto. “O nosso presidente, Gilberto Kassab, faz um trabalho gigantesco, ele não para. Nós estamos vivendo um momento privilegiado. Há uma possibilidade concreta de termos um candidato à presidência da República que será muito competitivo. Isso vai ajudar a eleger deputadas federais, estaduais, governadoras e senadoras do nosso partido”, destacou Alda.

A dirigente reforçou o convite para que Adeliana mobilize lideranças de Santa Catarina e participe do evento nacional que o PSD Mulher promoverá em Brasília no próximo dia 24. “O encontro será dedicado, sobretudo, às coordenadoras estaduais e às mulheres detentoras de mandatos. Vamos receber também as que se candidataram pelo PSD e não se elegeram, mas já colaboraram com o partido, trouxeram votos.”

Ex-vereadora e ex-prefeita do município de São José — o quarto mais populoso de Santa Catarina, com cerca de 253 mil habitantes — Adeliana confirmou a presença da comitiva catarinense no encontro nacional. “Sempre tive o firme propósito de ampliar a participação feminina na política. Tenho esse compromisso pessoal de encorajar as mulheres a participar não apenas nos bastidores, mas disputando eleições.”