Aline Torres de Freitas já foi prefeita da cidade por dois mandatos consecutivos

Em Santana da Boa Vista, cidade de 8 mil habitantes na região sul do Rio Grande do Sul, o PSD deve concorrer nas eleições deste ano com duas pré-candidatas experientes e com trabalho reconhecido. A chapa majoritária será encabeçada por Aline Torres de Freitas, que já foi prefeita da cidade por dois mandatos consecutivos (2009/2012 e 2013/2016). Letícia Rodrigues da Rosa, pré-candidata a vice, foi secretária de saúde da cidade, é vereadora, funcionária pública e técnica de enfermagem.

Aline, que também é funcionária pública, além de fisioterapeuta especialista em acupuntura, colocou seu nome à disposição pois acredita que ainda há muito para fazer por Santana da Boa Vista. “Tenho certeza que meu empenho e comprometimento nos meus dois mandatos fizeram muita diferença no município e na vida da nossa população, no desenvolvimento e progresso. Na melhoria na qualidade de vida da nossa gente. Conseguimos evoluir, mas ainda temos muito o que progredir. Me sinto comprometida e responsável por nossa terra e nossa gente”, garante Aline.

A vereadora Letícia Rodrigues da Rosa já foi secretária de saúde da cidade

Aline acredita na eficiência do trabalho, dela e de Letícia, se eleitas. “Somos mulheres guerreiras, comprometidas com nossos trabalhos e vida pública, corremos atrás da realização dos nossos projetos, aliando a sensibilidade feminina na busca de resoluções para os principais problemas e carências de nossa cidade e população”, frisa.

Para a presidente estadual do PSD e coordenadora do PSD Mulher-RS, Letícia Boll Vargas, a mulher está cada vez mais buscando e alcançando espaços importantes dentro da política. “Estou muito feliz em saber que o PSD de Santana da Boa Vista será representado por duas mulheres. Nossas pré-candidatas a majoritária municipal estão preparadas para trabalhar por uma sociedade mais justa e igualitária. A gestão pública precisa da mulher e o PSD do Rio Grande do Sul acredita na participação igualitária de gênero. Nossas lideranças são fortes e inclusivas”, salienta a dirigente partidária.