A secretária Letícia Boll Vargas: “Evento ficará como legado para todos aqueles que irão desfrutar destes espaços e estruturas no futuro”

 

Redação Scriptum com site do PSD-RS

 

Com apoio da Secretaria de Esporte e Lazer do Rio Grande do Sul, a cidade de Caxias do Sul, na Serra Gaúcha, foi a sede da 24ª edição das Surdolimpíadas de Verão, encerrada no último fim de semana, após receber representantes de 77 países e 4,2 mil participantes, entre atletas e membros de delegações. Organizados pelo Comitê Internacional de Esportes para Surdos (ICSD na sigla inglês de International Committee of Sports for the Deaf), os jogos receberam R$ 2,5 milhões do Governo do Estado, por meio do programa Avançar no Esporte, para apoiar a sua realização.

De acordo com a secretária do Esporte e Lazer, Letícia Boll Vargas (PSD), “este investimento de R$ 2,5 milhões serviu como base para receber e sediar a Surdolimpíada, mas também ficará como legado para todos aqueles que irão desfrutar destes espaços e estruturas no futuro”.

Letícia, que é a presidente do PSD gaúcho, explica que a Secretaria participou ativamente da organização com a finalidade de incentivar e garantir que a 24ª edição dos jogos tenha visibilidade. Os recursos aportados pela Secretaria do Esporte e Lazer foram investidos em reformas de ginásios, infraestruturas, locais de competições e quadras.

 

É a primeira vez que a América Latina recebe uma competição desse porte

 

As Surdolimpíadas ocorrem a cada quatro anos e ficam somente atrás dos Jogos Olímpicos como o evento multiesportivo mais antigo do mundo. É a primeira vez que a América Latina recebe uma competição desse porte: a primeira edição ocorreu em 1924, em Paris, e ficou marcada como o primeiro evento esportivo para pessoas com necessidades especiais. A edição mais recente aconteceu em Samsun, na Turquia, em 2017. Em razão da pandemia de covid-19, o intervalo de quatro anos foi ampliado para cinco.

São 20 modalidades realizadas em diversas praças esportivas da cidade da Serra Gaúcha, com 1.370 medalhas em disputa por 4.482 surdoatletas nos 15 dias de competição. O evento incluiu modalidades como karatê, handebol, vôlei de praia, orientação, taekwondo, vôlei, luta livre e luta greco-romana.